HISTÓRICO FUNFFEC

A Escola Profissional Francisca Fernandes Claudino, do município de Luís Gomes/RN, é pioneira no ensino profissionalizante na região. Fundada em 25 de julho de 1969, pelo Pe. Raimundo Osvaldo Rocha, pelo empresário João Claudino Fernandes, Diretor (à época) e Presidente/Mantenedor, respectivamente, juntamente com a professora Francisca Cavalcante de Souza.

A Escola recebeu o nome em homenagem à patrona perpétua do educandário, Francisca Fernandes Claudino, esposa do Sr. Joca Claudino Fernandes e mãe do Sr. João Claudino Fernandes.

Desde o início, o educandário sempre primou pelo desenvolvimento intelectual de crianças, jovens e adultos através do ensino de técnicas e profissões, preparando-os para a vida e para o mercado de trabalho. Estimular habilidades artísticas e a execução de práticas culturais. Orientar, conscientizar e difundir a ética, a cidadania e os valores morais.

Da data de sua fundação até julho de 1991 funcionou à Rua Coronel Francisco Germano, na casa doada pelo Sr. Adolfo Paulino de Figueiredo, onde havia os Cursos de Datilografia, Corte e Costura e Arte Culinária, com o objetivo de preparar cidadãos para o mercado de trabalho emergente. Entre os professores, destacamos a Sra. Francisca Cavalcante de Souza e Irmã Miriam.

A partir de 26 de julho de 1991 a Instituição mudou-se, após uma grande reforma, para a casa onde moraram Joca Claudino e Francisca Fernandes Claudino entre 1929 e 1935, no Endereço Praça Joca Claudino, Rua Coronel. Antonio Fernandes Sobrinho, 114, Centro, Luís Gomes, onde permanece até os dias atuais. Naquele tempo, havia ainda o Curso de Datilografia e Corte e Costura, muito concorrido entre os luisgomenses e adjacentes. Obviamente que a contribuição e o reflexo positivo em termos sociais foi notável.

Em julho de 1993 a Escola, em meio ao desenvolvimento tecnológico, recebeu a primeira remessa de computadores da marca Houston para iniciar o Curso de Informática, um fato histórico e inaugural no município. Pouco tempo depois houve uma troca desses equipamentos por uma remessa mais moderna.

De início, quem ministrou as aulas do 1º Curso de Informática foi o Sr. Rodrigues Santos, iniciado em agosto de 1993. O município de Luís Gomes teve seu rito inicialístico em termos de computação. Daí em diante continua a ser o maior ícone de formação profissionalizante e quase uma unanimidade quando se pensa em formação de Digitadores e peritos da Informática em seus diversos instrumentais.

Na verdade, um sonho que se concretizava por meio de pessoas determinadas e comprometidas com as mudanças e as exigências que os novos tempos apontavam. Dentre eles, destaca-se o Sr. João Claudino Fernandes, visionário e otimista, creditava aos cursos profissionalizantes uma forma sublimar de conectar a sociedade a realidade notadamente globalizante e tecnológica. Como se vê, privilegiava-se, com ardor, o poder transformador da educação.

Por alguns anos os Cursos de Datilografia e Corte e Costura se fizeram presentes e assediados, até por volta de 1998. Com as novas tecnologias de informação e comunicação, deram lugar aos cursos de Digitação e Informática que passaram a ser o foco de interesse dos discentes e do estabelecimento. Ininterruptamente, esses dois últimos cursos são ministrados até os dias atuais.

Em 2002 houve a melhoria dos computadores e a inauguração do Curso de Digitação, que, até hoje, vem preparando inúmeros alunos para desempenhar com dinamicidade e técnica as habilidades inerentes ao mundo da informática.

Outro ponto de destaque são as orientações cívicas realizadas há anos, sempre com carinho e acuidade, pelo Senhor Padre Osvaldo, fortalecendo o pensamento transversal ao pensamento escolar.

O ano de 2003 marcou um superávit tangível na procura e oferta de aulas na área de Informática, sendo necessário o aumento do número de Instrutores para alcançar a todos os interessados.

Por meio de parâmetros legais, a Instituição passou a se chamar FUNDAÇÃO FRANCISCA FERNANDES CLAUDINO – FUNFFEC, uma sociedade civil de direito privado, de caráter social, assistencial, cultural e educacional, sem fins lucrativos, tendo sido constituída através da Ata da Assembleia Geral de Constituição, datada de 08 de março de 2007.

A FUNFFEC, desde então, rege-se pelos princípios da justiça social e tem como objetivo permanente o apoio à promoção de recursos humanos focalizando à formação profissional de base, ao desenvolvimento do sistema operacional e à organização da comunidade, por meio da articulação de uma prática pedagógica inovadora, aliada a definição da atenção às práticas sociais, em direção a promoção permanente da pessoa humana e da qualidade de vida dos seus participantes (ESTATUTO SOCIAL).

Depois disso, a Lei Nº 171 de 02/05/2008, assinada pelo então Prefeito Pio X Fernandes, reconheceu como de Utilidade Pública, no âmbito do município de Luís Gomes/RN. Por sua vez, a Lei Nº 9.178 de 20/05/2009, assinada pela ex-governadora Wilma de Faria, reconheceu como de Utilidade Pública em âmbito estadual.

Depois disso, em maio de 2010, o Sr. Pe. Raimundo Osvaldo Rocha, por meio dos seus dotes musicais, formulou o Hino Oficial da Fundação Francisca Fernandes Claudino, a quem se referiu com palavras de carinho, reconhecimento e gratidão.

Noutro momento, mais exatamente em 11 de março de 2011, foi realizado um grande evento para entrega de Certificados aos alunos que concluíram o semestre 2010.2, além de marcar o início do ano letivo. Em abril, foi lançado o Projeto FUTURO PROFISSIONAL, que debateu as perspectivas da Carreira do Magistério, como forma de elucidar os discentes para as profissões existentes e suas oportunidades. Em 23 de julho vários funcionários da FUFFEC deslocaram-se a cidade de Joca Claudino para prestigiar a entrega do título de cidadão jocaclaudinense ao Sr. João Claudino Fernandes. Em 11 de outubro, foi comemorado o Dia das Crianças com jogos, brincadeiras e premiações.

Mais tarde, em setembro de 2011, a Fundação oferecia os Cursos de Digitação (Noções de Informática, Práticas de Teclado Alfanumérico e Numérico), Informática para Educadores e 3ª Idade, Operador de Computador (Conhecendo a Informática, Windows XP, Word, Excel, Power Point XP e Noções de Internet) e Corel Draw.

Além desses, numa perspectiva em curto prazo, oferecer cursos de Montagem e Manutenção de Computadores, PhotoShop e Linux Educacional.

A Fundação contou, no Semestre 2012.1, com 92 alunos no cursos ligados a Informática (Digitação, Operador, Manutenção, Photoshop, Coreldraw), 28 na área de Musicalização (Infantil e Cordas Friccionadas), 103 discentes ligados a atividades de Minicursos, Workshop e Palestras, prestando relevantes serviços, desta forma, à sociedade brasileira. Numa somatória geral, a FUNFFEC, orgulhosamente, teve uma demanda, no semestre supracitado, de 223 aprendizes.

A partir de fevereiro de 2012 a FUNFFEC passou a ser dirigida pelo analista de sistemas Francisco Rodrigues dos Santos, tendo ainda no seu quadro de gestores a coordenadora administrativa Mércia Gomes. A mudança de gestão alavancou novas perspectivas e uma notável reestruturação da entidade, iniciando-se com a mudança da logomarca, além disso, triplicou-se o número de cursos oferecidos, com destaque para os cursos da área musical e profissionalizantes, além da implementação de várias melhorias, tanto no aspecto físico, com a criação e reforma de salas e novos ambientes, como também no mobiliário e aquisição de equipamentos mais modernos. Em 2013 a Fundação atendeu 395 alunos nas diversas áreas em que atua.

A entidade recebeu as certificações dos conselhos Municipal de Assistência Social, e dos Direitos da criança e do adolescente.

Foram instituídos novos projetos: Mais Criatividade, Bela Infância, Cidadão Digital, Festival Artes de Julho e o Natal da Felicidade, além de outros que estão em fase de planejamento. Outro ponto marcante foi a criação do site da entidade: www.funffec.org.br.

Por Antonio Roberto Fernandes do Nascimento.